Página Inicial
Site Fapesp
      Site Capes
Site CNPq
Site Plataforma Lattes
Site Pós FMUSP
Site Capes Periódicos

História

LABORATÓRIO DE INVESTIGAÇÃO MÉDICA (LIM-32) - Excelência em pesquisa


Antes da reinauguração


Após a reinauguração

O LIM-32 é ligado à Disciplina de Otorrinolaringologia e trata-se de um dos 62 LIMS de todo o complexo HC-FMUSP. Ele se iniciou graças ao empenho dos Profs. Aroldo Miniti e Ricardo Bento. Depois de muitas ações junto à Diretoria da FMUSP para recuperar o espaço físico que vinha sendo usado, há dez anos, pela Reumatologia. Foi devolvido à ORL em 1994 e passou a servir de sede para o LIM.

No começo, a ideia era formar uma estrutura que pudesse atender ao desenvolvimento de projetos relacionados com técnicas cirúrgicas. Mas com o tempo e a criação de um espaço próprio para o Laboratório de Habilidades Cirúrgicas, o projeto foi transformado.

O objetivo se tornou, então, dar estrutura para pesquisadores e alunos da pós-graduação, padronizando novas técnicas e métodos de diagnóstico, e possibilitando sua implantação para atendimento de pacientes em outras unidades do HC. Outras metas do LIM são promover a formação de profissionais em pesquisa básica e aplicada, servir de campo de ensino e treinamento de estudantes de escolas de nível superior, cujos currículos sejam relacionados com as ciências de saúde, ajudar no treinamento de profissionais da saúde e realizar cursos.

O primeiro responsável pelo LIM-32 foi o Professor Ricardo Bento, sucedido pela Professora Dra. Tanit Ganz Sanchez. Nessa primeira fase foram desenvolvidos muitos trabalhos. Entre eles, destacam-se o projeto do implante coclear nacional, o FMUSP I em parceria com o Laboratório de Bioengenharia do Instituto do Coração (INCOR), o projeto de ensino de técnicas cirúrgicas em três dimensões, o projeto de preparo histológico de ossos temporais, e os estudos de preservação em implantes cocleares em cobaias.

Por lá também passaram vários alunos de pós-graduação e várias teses foram desenvolvidas, assim como centenas de trabalhos publicados. Em 2009, quando o Professor Ricardo Bento assumiu a cadeira de Professor Titular, foi indicada para a coordenação do LIM-32 a Dra. Jeanne Oiticica Ramalho. Ao longo da história do LIM-32, a Dra. Jeanne tem sido extremamente bem-sucedida na sua coordenação. Nos diversos Relatórios de Produção Científica, o LIM-32 sempre se coloca entre os avaliados com escore “A”.

Crescimento à vista

Depois de 2009, o LIM passou por uma ampla reforma para adequar sua infraestrutura à ciência básica, às novas metas e a linhas de pesquisa inovadoras. Os objetivos dessa reestruturação foram capacitar o laboratório com os equipamentos necessários para realizar testes genéticos e desenvolver dentro da clínica as pesquisas com células-tronco – para isso, projetos de pesquisa foram desenvolvidos e auxílios à pesquisa foram solicitados às principais agências de fomentos do país.

Assim, três linhas de pesquisa principais ganharam apoio financeiro e viabilizaram esta reestruturação: a primeira foi o implante de células-tronco do órgão de Corti na orelha interna para terapia da surdez, a segunda é a terapia gênica nas células-tronco da orelha interna para terapia da surdez, e a terceira é a regeneração do nervo facial através da implantação de células-tronco derivadas do estroma de medula óssea.

Hoje atuam no LIM, além dos pesquisadores médicos, a Dra. Karina Lezirovitz Mandelbaum, PhD – Pesquisadora Científica e Geneticista –, a biomédica Claudia Regina de Marchi Lopes Hemza, MSc e a técnica de laboratório, bióloga Glaucia Regina Batista do Nascimento.

A trajetória do LIM contou apoios financeiros obtidos juntos às principais agências de fomento à pesquisa no país, incluindo apoio financeiro concedido pelo CNPQ (Conselho Nacional de Pesquisa), FAPESP (Fundação para o Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, e Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.

Em 2009, a equipe do LIM entrou para o seleto rol de pesquisadores que fazem parte da recém-criada Rede Nacional de Terapia Celular (RNTC), cujo objetivo principal é estruturar nacionalmente a pesquisa com células-tronco, integrando grupos de pesquisa em todo o país e centros de tecnologia celular para gerar conhecimento científico e competência tecnológica para assistência à saúde. A equipe faz parte também do Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia de Células-Tronco (INCT), cuja missão é estabelecer um banco de células-tronco em projetos de pesquisa e em abordagens terapêuticas, atuando como um centro de referência mundial para pesquisas na área, integrando pesquisadores seniores com jovens pesquisadores e alunos de graduação e pós-graduação de diversas áreas da saúde (medicina, fonoaudiologia, biologia) e de outras áreas como engenharia.

O LIM-32 possui hoje parceria e colaboração com professores dos mais diversos centros de pesquisa, incluindo o Centro de Estudos do Genoma Humano do Departamento de Genética e Biologia Evolutiva do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo (IB-USP) e o Instituto do Coração (INCOR). O LIM-32 conduz pesquisas clínicas e experimentais de natureza variada. As linhas de pesquisa em destaque atualmente são a pesquisa experimental e análise crítica das técnicas cirúrgicas sobre o osso temporal, a pesquisa em próteses eletrônicas cirurgicamente implantáveis para deficiência auditiva profunda, a cultura e implantação de células ciliadas da cóclea, a terapia gênica no tratamento da surdez, o transplante de células-tronco adultas e embrionárias na terapia da surdez, a genética molecular humana com ênfase em surdez hereditária e mapeamento genético, os mecanismos fisiopatológicos dos distúrbios vestibulares periféricos, as bases clínicas e experimentais da fisiopatologia, e o tratamento do zumbido e da hiperacusia.

LIM-32 (Laboratório de Investigação Médica 32) – Laboratório de Otorrinolaringologia
Disciplina de Otorrinolaringologia da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Avenida Dr. Arnaldo, 455 - 2º andar - sala 2209
Cep: 01246-903 - Cerqueira César - São Paulo
Telefone: (11) 3061-7166 - E-mail: jeanne.oiticica@hc.fm.usp.br